Subsídios comunitários. IGF deteta fraudes na construção de hotéis

FOZREGISTO

Os casos dos hotéis Bicanho e Estrela à Vista (na imagem, ainda durante a fase de construção) têm em comum a circunstância de as empreitadas terem sido atribuídas à Montalvia, uma sociedade do promotor, ligado a vários outros empreendimentos hoteleiros

Uma auditoria da Inspeção-Geral de Finanças (IGF) detetou indícios de fraude na obtenção de subsídios comunitários em dois projetos hoteleiros do distrito da Guarda. Um terceiro caso levanta muitas suspeitas. No total, pode estar em causa a devolução de 29 milhões de euros de subsídios.

Os dois projetos visados são o Hotel Estrela à Vista, em Fornos de Algodres, e o Hotel Seia – Nature & Wellness, em Seia. A IGF aponta ainda sérias reservas a um terceiro projeto que terá de ser esclarecido. É o caso do Hotel do Bicanho, em Soure, distrito de Coimbra.

Os casos do Bicanho e do Estrela à Vista têm em comum a circunstância de as empreitadas terem sido atribuídas à Montalvia, uma sociedade do promotor, ligado a vários outros empreendimentos hoteleiros.

Administradores comuns
A IGF verificou coincidência de administradores entre as empresas promotoras e a referida construtora.

No caso de Fornos de Algodres, a empresa…

View original post mais 225 palavras


Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s